quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Rastros de Amor

"Quem vê de longe não sabe, não sabe o quanto eu chorei
Quem vê de longe não sabe o caminho estreito no qual passei
Pra seguir as pegadas de Cristo, rastro de quem me amou
Quem vê de longe não sabe, não sabe o que eu já vivi
Quem vê de longe não sabe, não sabe o quanto aprendi
Quem vê de longe não sabe o caminho,
que Deus me ajudou trilhar
Pra deixar as pegadas na areia
E assim outros pudessem passar,
Assim outros pudessem passar
Rastros de amor, foi o que eu segui
Rastros de amor, quero deixar aqui
Acima de todo o brilho do mundo, o exemplo é o que deve ficar
Para que aqueles que seguem
Meus passos nunca venham a se desviar
Rastros de amor, foi o que eu segui
Rastros de amor, quero deixar aqui
Acima de todo o brilho do mundo, o exemplo é o que deve ficar
Para que aqueles que seguem meus passos
Nunca venham a se perder
E como Jesus possam ser
Quem vê de longe não sabe..."

Asaph Borba

Nenhum comentário: