segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Em tudo ao meu Senhor.

✿✿ღڪےღ✿✿ღڪےღ✿ღڪےღ✿✿ღڪےღ✿✿

Em tudo ao meu Senhor serei escravo.
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto,
que mesmo em face do maior pranto,...
nEle se encantará cada vez mais meu pensamento.

Quero conhecê-LO em cada cooperador momento,
e em Seu louvor hei de espalhar meu escrito
e rir meu riso e derramar meu pranto,
ao Seu açoite ou Seu afago - ambos misericórdia.

E assim, salvou-me sem tardar.
Bem sei que na morte, alegria de quem para sempre vive,
bem sei que na solidão, mas nunca só,

eu poderei dizer do amor (que É):
é imortal, posto que DEUS é verdadeiro;
que é infinito, pois esta é a vida eterna: conhecê-LO.

✿✿ღڪےღ✿✿ღڪےღ✿ღڪےღ✿✿ღڪےღ✿✿

_______________
♦ Cesare Turazzi | Reescrevendo Vinicius de Moraes

♦ Conheça outras obras em: http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=108429

Nenhum comentário: